Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

A diretora-geral da OMS, Margaret Chan, anuncia em 8 de agosto de 2014 que a epidemia do Ebola é emergência de saúde pública de alcance mundial.

(afp_tickers)

Uma vacina contra o vírus do Ebola poderá ser submetida a testes clínicos a partir do próximo mês e, se os resultados forem positivos, poderá estar disponível até 2015, indicou um funcionário da Organização Mundial da Saúde (OMS).

"Nosso objetivo é começar os testes clínicos em setembro, primeiro nos Estados Unidos e sem dúvidas em um país africano, porque lá estão os casos", declarou Jean-Marie Okwo Bélé à rádio francesa RFI.

Indagado sobre uma possível comercialização da vacina, respondeu: "Achamos que se começarmos em setembro, até o fim do ano poderemos ter resultados".

"Como se trata de uma emergência, se poderá usar procedimentos de emergência para que a vacina esteja disponível em 201", acrescentou.

A epidemia de Ebola deixou desde o início do ano quase mil mortos entre os mais de 1.700 supostos casos detectados.

Serra Leoa, Libéria e Guiné são os países mais infectados.

Na Nigéria, o presidente Goodluck Jonathan declarou na véspera estado de emergência sanitária algumas horas depois que a Organização Mundial da Saúde decidiu classificar a epidemia como emergência de saúde pública de alcance mundial.

AFP