Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Membros do Conselho de Segurança da ONU se reúnem em sua sede, em Nova York, em 31 de julho de 2014.

(afp_tickers)

O Conselho de Segurança das Nações pediu nesta quinta-feira à comunidade internacional que "apoie o governo iraquiano" na luta contra o avanço dos "jihadistas" do Estado Islâmico no norte do Iraque.

Em uma declaração unânime, os 15 membros do Conselho convidaram a "comunidade internacional a apoiar o governo e o povo do Iraque a fazer todo o possível para aliviar o sofrimento da população".

Os integrantes do Conselho se declararam "escandalizados" pelos milhares de yazidis e cristãos expulsos de suas casas pelas forças do Estado islâmico e advertiram que os refugiados precisam de "ajuda humanitária urgente".

O Conselho advertiu que a perseguição de minorias "pode constituir crime contra a humanidade" e exortou "todas as partes a facilitar a entrega de ajuda humanitária" aos refugiados.

AFP