Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) O porta-voz da oposição venezuelana Jesús Torrealba

(afp_tickers)

A oposição venezuelana convocou nesta segunda-feira uma manifestação em todo o país para o dia 12 de outubro, para exigir que o referendo revogatório contra o presidente Nicolás Maduro seja realizado ainda em 2016, apesar de o poder eleitoral tê-lo adiado para 2017.

"Convocamos para 12 outubro uma jornada especial de mobilização na qual lotaremos as ruas de toda a Venezuela de forma pacífica. O referendo deve ser em 2106", assegurou o porta-voz da Mesa da Unidade Democrática (MUD), Jesús Torrealba, em um comício da oposição no Parque Miranda (leste de Caracas).

O Conselho Nacional Electoral (CNE), ao qual a MUD acusa de servir aos interesses do governo, anunciou na semana passada que o referendo só poderá ser realizado em 2017, o que impossibilita uma mudança de governo, pois as eleições antecipadas deveriam ser realizadas antes de 10 de janeiro.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP