AFP

O logo da Apple em uma loja de Sydney

(afp_tickers)

A Apple informou nesta quinta-feira que pagou mais de 70 bilhões de dólares aos desenvolvedores de aplicativos desde que abriu a App Store, em 2008, e que o sistema está em crescimento.

"Em todos os lugares, as pessoas amam aplicativos, e nossos clientes estão fazendo downloads em números recordes", disse Philip Schiller, vice-presidente sênior de marketing, em um comunicado antes da conferência anual de desenvolvedores, realizada pela fabricante do iPhone, que acontecerá na próxima semana.

"Setenta bilhões de dólares recebidos pelos desenvolvedores é simplesmente louco. Estamos maravilhados com todos os novos e ótimos aplicativos que foram criados. Mal podemos esperar para vê-los na Conferência Mundial de Desenvolvedores na semana que vem".

A Apple afirmou que os downloads cresceram mais de 70% ao longo do últimos 12 meses, impulsionados pelos jogos Pokémon Go e Super Mario Run.

A Apple, que enfrenta um grande desafio no mundo da telefonia celular com a predominância do sistema Android, da Google, tem ajustado o seu modelo de negócios em um esforço de manter os desenvolvedores em seu sistema.

Além do pagamento pelos downloads, a Apple permite que os criadores usem um modelo de assinatura nas 25 categorias de apps. A empresa declarou que as assinaturas ativas e pagas aumentam 58% a cada ano.

"Os clientes estão gostando das assinaturas com uma grande variedade de serviços, como Netflix e Hulu, e o Tastemade, a primeira rede móvel sobre cozinha, além dos aplicativo de edição de fotos como o Over e o Enlight", disse a Apple em um comunicado.

A Apple tem mais de dois milhões de aplicativos pagos e gratuitos disponíveis para iPhone, iPad e outros dispositivos.

AFP

 AFP