AFP

(Arquivo) Papa Francisco

(afp_tickers)

O Papa Francisco manifestou profunda tristeza pelo atentado "bárbaro" em Manchester que causou a morte de 22 pessoas, entre elas crianças, e enviou suas bençãos e pêsames às famílias atingidas, informou nesta terça-feira o Vaticano.

"Sua santidade, o papa Francisco, ficou profundamente entristecido após saber da trágica perda de vidas causada pelo ataque bárbaro em Manchester", afirmou em um telegrama de pêsames enviado em seu nome pelo secretário de Estado, o cardeal Pietro Parolin.

Na mensagem, o pontífice expressa "sua sincera solidariedade com todos os atingidos por esse ato de violência sem sentido" e elogia "os generosos esforços das equipes de emergência e de segurança".

Ao recordar "as crianças e os jovens que perderam a vida", Francisco "invoca a benção de Deus" para toda a nação.

O ataque de Manchester é o mais grave ocorrido no Reino Unido desde julho de 2005, quando uma série de atentados causou a morte de 52 pessoas, entre eles quatro suicidas, e deixou 700 feridos no metrô e em um ônibus de Londres.

AFP

 AFP