Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Junho) Francisco recebe Abbas (e) e Peres no Vaticano

(afp_tickers)

O Papa Francisco ligou nesta sexta-feira para o presidente israelense, Shimon Peres, e para o líder palestino, Mahmud Abbas, para comunicar sua "enorme preocupação" com a situação na Faixa de Gaza, afirma um comunicado do Vaticano.

"Lamento o clima de hostilidade crescente, de ódio e sofrimento para os dois povos, o que está gerando muitas vítimas e criando uma situação de emergência humanitária", disse o pontífice, que já se pronunciou diversas vezes a favor da paz entre israelenses e palestinos e viajou no fim de maio à região.

O pedido de Francisco foi feito no momento em que Israel inicia uma ofensiva terrestre na Faixa de Gaza com o objetivo de destruir as infraestruturas e o armamento do movimento islamita palestino Hamas, apesar dos riscos para os civis.

Como fez durante a viagem do fim de maio a Terra Santa (Jordânia, Jerusalém e Belém), Francisco pediu a "todas as partes envolvidas e aos que têm responsabilidades políticas a nível local e internacional que se comprometam com o fim das hostilidades".

Na mensagem, o papa defende uma "trégua", assim como "paz e reconciliação dos corações".

No dia 8 de junho, Francisco reuniu no Vaticano para uma oração inédita o presidente israelense Peres e o líder palestino Abbas. Pediu a ambos a "derrubada dos muros da inimizade" e o "valor" conquistar a paz no Oriente Médio.

AFP