Navigation

Paraguai prorroga confinamento por COVID-19 até 26 de abril

O presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, em Asunción, no dia 10 de março afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 17. abril 2020 - 22:54
(AFP)

O presidente paraguaio Mario Abdo Benítez anunciou nesta sexta-feira (17) que estenderá a quarentena para conter a propagação do novo coronavírus, que deveria terminar no próximo domingo, por mais uma semana.

"Temos feito o que todo mundo está fazendo. Até hoje não há tratamento no mundo, não há vacina no mundo, não há calendário no mundo", disse o presidente no Twitter, esclarecendo que o confinamento pode ser prorrogado por mais tempo.

O novo período de isolamento terminará em 26 de abril, mas o presidente disse que a cada semana a quarentena será estendida ou interrompida.

O Paraguai, onde pelo menos 199 casos de coronavírus foram detectados e oito pessoas morreram, cumprirá 40 dias de confinamento neste sábado, desde que foi estabelecido no último 10 de março, três dias após o primeiro caso positivo ser conhecido.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.