Navigation

Partido Comunista russo entrega prêmio Lenin a Raúl Castro

Presidente cubano Miguel Diaz-Canel (E) e o ex-presidente Raul Castro (D), em marcha do Dia do Trabalhador na Praça da Revolução, em 1 de maio de 2019 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 01. maio 2019 - 22:14
(AFP)

Ivan Melnikov, primeiro vice-presidente do Partido Comunista da Rússia, condecorou, nesta quarta-feira (1), o dirigente histórico cubano Raúl Castro com o Prêmio Lenin, num contexto de tensão elevada entre a ilha e os Estados Unidos.

Essa distinção também foi dada ao primeiro-secretário do Partido Comunista de Cuba (PCC, único), por "sua excepcional contribuição à construção do socialismo e suas ações para consolidar os princípios de justiça, humanismo e progresso social", disse Melnikov, citado pelo portal oficial Cubadebate.

Criado em 1925, o Prêmio Lenin foi uma das mais importantes distinções da antiga União Soviética e é anunciado todos os anos em 22 de abril, o dia do nascimento de Vladimir Ilich Ulyanov, líder da Revolução Russa em outubro de 1917.

Castro, de 87 anos, disse que recebeu "não a título pessoal, mas em nome de todo o nosso povo, dos militantes comunistas e como um reconhecimento da liderança do nosso partido".

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.