Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Pelo menos 21 pessoas morreram e 118 ficaram feridas na explosão de forma quase simultânea de três carros-bomba neste sábado na cidade iraquiana de Kirkuk, informaram fontes policiais e médicas.

(afp_tickers)

Pelo menos 21 pessoas morreram e 118 ficaram feridas na explosão de forma quase simultânea de três carros-bomba neste sábado na cidade iraquiana de Kirkuk, informaram fontes policiais e médicas.

Dois dos três carros-bomba explodiram perto de imóveis em construção utilizados pelas forças de segurança como postos de observação. O terceiro explodiu na entrada de um mercado.

Este novo atentado ocorre em um contexto de instabilidade política e de violência crescente no Iraque. Na sexta-feira, pelo menos 70 pessoas morreram baleadas em um ataque de milicianos xiitas contra uma mesquita sunita a nordeste de Bagdá.

O Iraque também registra uma grande ofensiva dos combatentes sunitas do Estado Islâmico (EI). As forças curdas e iraquianas tentam desalojar os jihadistas do EI das regiões que conquistaram desde o início de sua ofensiva, em 9 de junho.

Aproveitando a retirada do Exército iraquiano diante do avanço dos insurgentes do EI durante os primeiros dias de sua ofensiva, as forças curdas tomaram em 12 de junho o controle de Kirkuk, um território rico em petróleo disputado com Bagdá.

AFP