Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Plataforma de petróleo perto de Tioga, na Dakota do Norte, em 21 de agosto de 2013

(afp_tickers)

O petróleo fechou em baixa nesta quinta-feira (28) em Nova York, com os investidores realizando seus lucros, enquanto continua a tensão no Curdistão iraquiano.

O barril do light sweet crude (WTI) para entrega em novembro recuou 58 centavos, a 51,56 dólares, no New York Mercantile Exchange (Nymex).

"Após as recentes altas de preços, houve muitas realizações de lucros", explicou Andy Lipow, da Lipow Oil Associates.

Durante a sessão, "o WTI chegou perto dos 53 dólares, um preço que não atinge há meses".

O contexto foi favorecido pelas tensões no Curdistão iraquiano, onde os cidadãos votaram por sua independência. Em represália, a Turquia ameaça interromper as exportações petroleiras dos curdos iraquianos. Eles produzem entre 550 mil e 600 mil barris por dia.

"A tendência à alta vai continuar nas próximas sessões, especialmente devido ao contexto geopolítico", disse Lipow.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP