AFP

Plataforma de petróleo perto de Tioga, na Dakota do Norte, em 21 de agosto de 2013

(afp_tickers)

O petróleo caiu nesta sexta-feira em meio a especulações sobre as consequências da retirada dos Estados Unidos do acordo de Paris contra o aquecimento do planeta.

O barril de "light sweet crude" (WTI) caiu 70 centavos, a 47,66 dólares, nos contratos com entrega em juljo negociados em Nova York.

"Se espera que os Estados Unidos aumente mais rapidamente sua produção", disseram analistas do Commerzbank.

Especialistas da firma PVM estimaram que os Estados Unidos podem impulsionar ainda mais suas extrações de petróleo; especialmente as de petróleo de xisto.

Para James Williams, da WTRG, acredita que nada do foi dito por Trump "terá efeito imediato" no mercado

Na sua opinião, a esperada decisão da Casa Branca não modifica "as previsões de consumo dos Estados Unidos porque o acordo depende da boa vontade das partes e porque Donald Trump não tinha a intenção de aplicá-lo", afirmaram os especialistas da Capital Economics.

AFP

 AFP