Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Poço de petróleo perto da cidade de Andrews, Texas

(afp_tickers)

O petróleo fechou esta terça-feira em leve baixa, num mercado prudente diante de sinais de uma ampliação da oferta, à espera dos dados sobre as reservas dos Estados Unidos.

O barril de light sweet crude (WTI) para novembro recuou 16 centavos, a 50,42 dólares, no New York Mercantile Exchange (Nymex).

Em Londres, o barril de Brent do Mar do Norte para dezembro fechou a 56 dólares, perdendo 12 centavos.

Os investidores agiram com cautela, devido ao temor de que a produção de setembro em alguns países da Opep tenha aumentado, apesar de estar em vigor um plano de redução da oferta, disseram especialistas.

A produção petroleira continua aumentando na Nigéria e na Líbia, que, apesar de estarem na Opep, estão isentas de cotas devido às dificuldades políticas e econômicas desses países.

Em Nova York, o mercado operou com cautela, já que nesta quarta-feira os Estados Unidos divulgam sua atualização semanal das reservas de petróleo, disse Kyle Cooper, da IAF Advisors.

"Temos que ver se os efeitos dos furacões Harvey e Irma estão se dissipando", apontou.

Os furacões forçaram o fechamento de refinarias do Golfo do México, o que fez as reservas americanas de petróleo aumentarem e as de gasolina caírem.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP