AFP

(Arquivo) Poço de petróleo perto da cidade de Andrews, Texas

(afp_tickers)

O petróleo fechou quase em equilíbrio nesta quinta-feira em Nova York com uma tímida recuperação após a divulgação das reservas americanas.

O barril de "light sweet crude" (WTI) subiu 4 centavos, a 48,36 dólares, nos contratos para julho negociados no New York Mercantile Exchange (Nymex).

No mercado de Londres o barril de Brent caiu 13 centavos, a 50,63 dólares nos contratos com entrega em agosto.

Os preços melhoraram depois que o Departamento de Energia divulgou uma queda das reservas americanas, mas depois continuaram caindo até o final da sessão.

"A euforia inicial com a significativa queda dos estoques de petróleo foi logo perdida pelo persistente temor de aumento da produção dos Estados Unidos e pelo retorno de uma produção suplementar da Nigéria", disse Andy Lipow, da firma Andy Lipow Associates.

Os estoques de petróleo de Estados Unidos caíram mais que o esperado na semana encerrada na última sexta-feira=.

Na semana passada, as reservas comerciais de petróleo tiveram uma redução de 6,4 milhões de barris e ficaram em 509,9 milhões. Analistas consultados pela agência Bloomberg esperavam uma redução de somente 3 milhões de barris.

Considerando uma nova queda das reservas estratégicas, os estoques totais dos Estados Unidos caíram 7,4 milhões de barris.

AFP

 AFP