Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

A autoria do atentado foi reivindicada pelo grupo Estado Islâmico

(afp_tickers)

A polícia britânica anunciou a detenção, nesta segunda-feira, de um homem de 20 anos, o sétimo, pelo atentado com uma bomba de fabricação caseira no metrô de Londres que deixou 30 feridos em 15 de setembro.

O homem, que não teve o nome divulgado pelas forças de segurança, foi detido durante a noite em Cardiff.

Quatro dos sete detidos até o momento permanecem em custódia e um deles foi formalmente indiciado na semana passada: Ahmed Hassan, um refugiado iraquiano de 18 anos, acusado de tentativa de assassinato e uso de explosivos.

A bomba caseira, que não explodiu por completo, deixou 30 feridos e provocou um grande tumulto na estação de metrô de Parsons Green, no momento de maior movimento durante a manhã.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP