Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) A polícia britânica antiterrorismo anunciou que deteve 11 homens nesta quarta-feira sob suspeita de relação com a organização neonazista proscrita Ação Nacional, sendo cinco dele suspeitos de preparar um atentado

(afp_tickers)

A polícia britânica antiterrorismo anunciou que deteve 11 homens nesta quarta-feira sob suspeita de relação com a organização neonazista proscrita Ação Nacional, sendo cinco dele suspeitos de preparar um atentado.

A idade dos presos varia dos 22 aos 35 anos e eles foram detidos em diferentes partes da Inglaterra e Gales.

Dois soldados britânicos na ativa já foram acusados no início do mês por pertencer a esta organização que se converteu, em dezembro de 2016, na primeira de ultradireita a ser proibida no Reino Unido por seu caráter "terrorista".

Nos últimos meses o Reino Unido viveu atentados de ultradireita: o assassinato da deputada trabalhista Jo Cox em junho de 2016, e o atropelamento de um grupo de muçulmanos que saía de uma mesquita de Londres, em que morreu um homem e várias pessoas ficaram feridas.

A Ação Nacional comemorou o assassinato de Cox.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP