Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Julho) Incêndio florestal perto de Messina, na ilha da Sicília

(afp_tickers)

Quinze bombeiros voluntários, suspeitos de provocar incêndios para receber os pagamentos de intervenção, foram detidos na Sicília, anunciou a polícia de Ragusa, sul da Itália.

Os bombeiros teriam provocado princípios de incêndio e e efetuado falsos alertas de socorro, de acordo com os investigadores.

Isto permitia sua intervenção e a cobrança do pagamento de 10 euros por hora determinada pelo Estado.

Os 15 bombeiros voluntários, todos procedentes da província de Ragusa, sul da Sicília, foram detidos e acusados de fraude e danos.

As detenções aconteceram depois que o comando provincial dos bombeiros ordenou uma investigação em consequência de um aumento brusco e anormal das intervenções da equipe.

AFP