Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Presidente Emmanuel Macron registra nova queda nas pesquisas

(afp_tickers)

A popularidade do presidente francês, Emmanuel Macron, desabou em agosto, a 40%, o que representa uma queda de 14 pontos em um mês - revelou uma pesquisa do Ifop publicada no domingo pelo semanário Journal du Dimanche (JDD).

O chefe de Estado perdeu 22 pontos de popularidade desde a primeira enquete realizada pelo Ifop para o semanário há três meses, logo após sua eleição.

Seu primeiro-ministro, Edouard Philippe, seguiu a mesma tendência e perdeu nove pontos no mês, passando de 56% para 47%.

No mesmo momento de seu mandato, seu antecessor, o socialista François Hollande, marcava 54% em 2012. Seu antecessor, o conservador Nicolas Sarkozy, era ainda mais popular, com 67% de apoio em 2007.

Em agosto, férias de verão na França, 36% dos entrevistados se declararam "mais ou menos satisfeitos", um indicador que caiu 11 pontos. Já 4% se declararam "muito satisfeitos", uma redução de 3 pontos.

O total de desaprovação pulou de 43% para 57%, distribuindo-se entre a categoria "mais ou menos insatisfeito" (37%, com uma alta de nove pontos) e "muito insatisfeito" (20%, cinco pontos).

Nessa sondagem, feita on-line e por telefone, o Ifop entrevistou 1.023 pessoas, em 25 e 26 de agosto.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP