Navigation

Premiê holandês abalado por queda de avião malaio na Ucrânia

O primeiro-ministro da Holanda, Mark Rutte, declarou ter ficado profundamente abalado com a queda do avião da Malaysia Airlines. afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 17. julho 2014 - 17:35
(AFP)

O primeiro-ministro da Holanda Mark Rutte declarou-se profundamente abalado com a notícia de que o avião da Malaysia Airlines, que voava de Amsterdã para Kuala Lumpur com 295 pessoas a bordo, caiu no leste da Ucrânia.

O presidente ucraniano Petro Poroshenko afirmou que o avião pode ter sido derrubado em uma zona controlada por separatistas pró-russos, que, por sua vez, acusam um caça ucraniano de ser o responsável pela queda.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.