Navigation

Presidente turco Erdogan felicita Maduro por reeleição

Os presidentes turcos Recep Tayyip Erdogan e venezuelano Nicolás Maduro em Istambul, em 13 de dezembro de 2017 afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 23. maio 2018 - 09:10
(AFP)

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan felicitou o venezuelano Nicolás Maduro após sua polêmica reeleição, condenada por grande parte da comunidade internacional.

Ao lado do presidente russo Vladimir Putin, Erdogan foi um dos poucos chefes de Estado a felicitar Maduro.

Erdogan ligou para o colega venezuelano, informou uma fonte da presidência turca, citada pela agência de notícias governamental Anadolu.

Maduro foi proclamado oficialmente na terça-feira como presidente reeleito para governar até 2025, em eleições boicotadas pela oposição e parte da comunidade internacional.

Erdogan, que convocou eleições presidenciais para 24 de junho, também afirmou a vontade de seguir desenvolvendo relações entre a Turquia e a Venezuela em todas as áreas.

Após a eleição, o governo dos Estados Unidos anunciou novas sanções contra a Venezuela, incluindo a proibição de que seus cidadãos negociem títulos da dívida venezuelana.

Na terça-feira, Maduro anunciou a expulsão dos dois principais representantes dos Estados Unidos em Caracas, depois de repudiar as sanções econômicas de Washington.

Os afetados são o encarregado de negócios, Todd Robinson, e o ministro conselheiro Brian Naranjo.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.