Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) O longa-metragem 'Meñique', primeiro filme cubano com a tecnologia de animação em 3D, será exibido em 10 países, incluindo Estados Unidos, Espanha e França

(afp_tickers)

O longa-metragem "Meñique", primeiro filme cubano com a tecnologia de animação em 3D, será exibido em 10 países, incluindo Estados Unidos, Espanha e França, anunciaram seus produtores nesta terça-feira.

"Uma dúzia de países, incluindo os Estados Unidos, assinaram contratos para a distribuição de Meñique", informou Julio Casal, diretor da empresa espanhola Ficción Producciones, que produziu o filme juntamente com o estatal Instituto Cubano de Cinema (ICAIC).

O filme, que estreou no domingo em Havana, também "será exibido na França, Coreia do Sul, Alemanha e vários países do Oriente Médio", declarou Casal, citado pela agência de notícias cubana Prensa Latina.

Baseado em uma adaptação do escritor e herói cubano José Martí (1853-1895) de um conto francês Édouard Laboulaye (1811-1883), "Meñique" conta a história de uma criança inteligente que descobre que o conhecimento é melhor do que força.

A história foi publicada por Martí em 1889 em Nova York na primeira edição de sua revista "The Golden Age".

"Uma cópia alternativa do filme será lançada na Espanha, dublada por atores espanhóis e com um roteiro mais universal" para "livrar o filme do regionalismo que pode torná-lo incompreensível", disse Casal.

O ICAIC indicou recentemente que também planeja produzir em 3D um filme de "Elpidio Valdés", o personagem mais famoso dos desenhos animados de Cuba, criado em 1970 por Juan Padrón, o pai da animação na ilha e Prêmio Nacional de Cinema 2008.

Elpidio Valdés é um valente coronel "mambí" (guerrilheiro) das lutas contra o colonialismo espanhol no século XIX.

AFP