Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Hackers infectaram com um software espião os sistemas da principal empresa de defesa e indústria aeroespacial suíça

(afp_tickers)

Hackers infectaram com um software espião os sistemas da principal empresa de defesa e indústria aeroespacial suíça, segundo um comunicado do Ministério da Defesa.

Os serviços de inteligência informaram em janeiro à procuradoria que suspeitavam que os computadores da sociedade Ruag haviam sido infectados com um software espião e desde 25 de janeiro foi aberta uma investigação judicia, segundo a fonte.

De acordo com os primeiros elementos da investigação, o ataque começou em dezembro de 2014.

Ruag é um conglomerado controlado em sua totalidade pelo Estado suiço que produz parte dos foguetes europeus Ariane, peças para aviões militares e civis e munições de pequeno calibre.

Em 2015, fatutou 1,54 bilhão de euros e emrpega mais de 8.200 pessoas.

AFP