Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivos) O atual presidente brasileiro Michel Temer conversa com o presidente da Confederação Nacional da Indústria, Robson Andrade, durante reunião em Brasília, em 8 de julho de 2016

(afp_tickers)

A produção industrial brasileira fechou 2016 com sua terceira contração anual consecutiva, de 6,6%, apesar de, em dezembro, dar sinais de melhorar a tendência, segundo dados publicados nesta quarta-feira pelo IBGE.

Em dezembro, a produção industrial do país registrou um crescimento de 2,3% em relação a novembro, na medição sem fatores sazonais, o segundo dado positivo consecutivo na comparação mensal.

Mas em comparação com dezembro de 2015, retrocedeu 0,1% em sua 34ª contração em ritmo anual consecutiva.

Os dois dados se situam abaixo das expectativas dos analistas consultados pela agência Bloomberg, que previam um crescimento de 2,4% em relação a novembro e de 0,6% frente a dezembro de 2015.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP