AFP

Policial turco, em Ancara, em 16 de abril de 2017

(afp_tickers)

O proprietário de uma rede de televisão por satélite em língua persa foi abatido a tiros por desconhecidos em Istambul, informaram neste domingo os meios de comunicação turcos.

O britânico de origem iraniana Said Karimian, proprietário do grupo GEM TV, e um de seus sócios, de nacionalidade kuwaitiana, foram mortos a tiros na noite de sábado no elegante bairro de Maslak, explica o jornal Hurriyet.

Os meios de comunicação identificaram em um primeiro momento as vítimas deste duplo assassinato como "dois iranianos".

Em um comunicado publicado em sua página do Facebook, o GEM TV confirmou "a morte de Said Karinian", sem dar mais detalhes sobre as circunstâncias.

A agência oficial do Kuwait, Kuna, citando o cônsul-geral do país em Istambul, publicou simplesmente que um kuwaitiano havia morrido baleado na grande cidade turca no sábado.

Segundo a agência de notícias turca Dogan, os dois homens estavam em um carro de luxo em Maslak, na margem europeia da cidade, quando um veículo 4x4 bloqueou seu caminho.

Os agressores abriram fogo e fugiram em seguida, e o veículo 4x4 foi encontrado incendiado em outro bairro.

A GEM TV está sediada em Dubai e propõe ao público de língua persa programas ocidentais que não podem ser vistos no Irã.

AFP

 AFP