Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Puigdemont discursa no parlamento regional da Catalunha, em Barcelona

(afp_tickers)

O presidente catalão, Carles Puigdemont, declarou nesta terça-feira (10) ante o Parlamento regional que assume o "mandato" de que a Catalunha seja uma "República independente", mas pediu a suspensão dos efeitos da separação para possibilitar um diálogo.

"Peço ao Parlamento que suspenda a declaração de independência para iniciar um diálogo nas próximas semanas", declarou o líder ante os deputados catalães em Barcelona.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP