Navigation

Rússia protege hackers em seu território, afirma alto funcionário dos EUA

Hackers russos voltam a atacar, diz Microsoft afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 16. junho 2021 - 16:26
(AFP)

A Rússia protege e abriga hackers em seu território em troca de ações "em áreas de interesse do governo", acusou um alto funcionário do Departamento de Justiça dos Estados Unidos (DoJ) nesta quarta-feira (16).

"Há muita atividade de ransomware vindo do território russo, que não é obra de funcionários do governo russo, mas é tolerada pelo governo russo", disse o chefe de segurança nacional do DoJ, John Demers, em uma conferência realizada pelo grupo de mídia Cyberscoop.

"Eles não apenas toleram, mas também intervêm ativamente nos esforços de aplicação da lei dos Estados Unidos para combater esse tipo de pirataria", acrescentou.

As empresas americanas, incluindo a rede de oleodutos Colonial Pipeline, foram atingidas por ataques cibernéticos nos últimos meses, muitas vezes forçando fechamentos temporários até que os resgates fossem pagos.

Demers fez a acusação no momento em que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, se reunia em Genebra com seu homólogo russo, Vladimir Putin.

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?