Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Sede da Renault em Boulogne-Billancourt

(afp_tickers)

A Renault vendeu 1,9 milhão de veículos no primeiro semestre, um novo recorde, alcançando graças aos mercados emergentes, anunciou nesta segunda-feira o diretor comercial da montadora francesa, Thierry Koskas.

O aumento de 10,4% das vendas responde às expectativas do grupo, segundo ele.

A cota do mercado do grupo chega assim a 4,1%, ganhando 0,3 ponto em um ano.

Todas as marcas do grupo (Renault, Dacia, Renault Samsung Motors e Lada) aumentaram sua cota de mercado e seu volume de vendas.

Mais da metade das vendas (54%) aconteceram na Europa, onde o grupo registra uma cota de 10,8%.

O volume de venda de carros elétricos também aumento, 34%.

Para 2017, a montadora espera um aumento de vendas entre 1,5% e 2,5% no mercado mundial e de 2% no mercado europeu e francês.

AFP