Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Pessoas recebem vacina para febre amarela em Caratinga, Minas Gerais, no dia 13 de janeiro de 2017

(afp_tickers)

A Secretaria de Saúde do estado do Rio de Janeiro anunciou neste sábado seus planos de vacinar toda a sua população contra a febre amarela, em resposta ao surto que já matou pelo menos 113 pessoas em todo o Brasil.

Embora o Rio ainda não tenha registrado nenhum caso, existe um risco pela proximidade com os estados Minas Gerais, Espírito Santo e São Paulo, onde foi verificada a incidência da doença.

Segundo a Secretaria, o objetivo é "expandir a estratégia de vacinação como medida preventiva". Por isso, espera-se vacinar toda a população até o final do ano.

Um total de 12 milhões de doses da vacina será solicitado. Três milhões de doses já foram pedidas, de acordo com a mesma fonte.

O Ministério da Saúde informou que foram confirmados 352 casos de febre amarela no país, enquanto 915 estão sob suspeita. Foram registrados 113 óbitos pela doença, com mais 104 a serem analisados.

AFP