O ex-presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, será enterrado na próxima semana em sua cidade natal, e não no cemitério dedicado aos "heróis da nação", como desejava o governo do país africano, anunciou a família nesta quinta-feira.

"O corpo será velado em Kutama (sua cidade natal) no domingo à noite e será enterrado em uma cerimônia íntima na segunda-feira ou terça-feira. Não irá ao cemitério dos heróis nacionais", afirmou à AFP um sobrinho do falecido presidente, Leo Mugabe.

"Esta é a decisão da família", completou.

Robert Mugabe faleceu na sexta-feira da semana passada aos 95 anos em um hospital de luxo de Singapura, para onde viajava há vários anos para tratamentos médicos.

O corpo foi repatriado na quarta-feira. O desembarque aconteceu em Harare, capital do país, com todas as honras de chefe de Estado. O funeral nacional está previsto para sábado em um estádio com capacidade para 60.000 pessoas.

O enterro era fonte de debate entre a família e o governo, que estão em conflito desde o golpe militar de novembro de 2017 que encerrou os 37 anos de poder de Mugabe.

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.