Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Funcionária da Christie's de Londres mostra o roteiro de 'Bonequinha de Luxo'

(afp_tickers)

O roteiro do filme cult "Bonequinha de Luxo", com notas escritas a mão, tornou-se o mais caro já vendido, no leilão de objetos da atriz Audrey Hepburn ocorrido na noite desta quarta-feira em Londres.

A cópia do roteiro pertencente a Hepburn fazia parte do primeiro dia de vendas da coleção pessoal da estrela britânica de Hollywood, incluindo alguns de seus vestidos mais famosos, que arrecadaram no total mais de seis milhões de dólares, anunciou a casa de Leilões Christie's.

A cópia de Hepburn do icônico filme "Bonequinha de Luxo" ("Breakfast at Tiffany's") foi vendida por 632.750 libras, ou cerca de US$ 846.000. O preço estimado inicial era de 60.000 a 90.000 libras.

No roteiro, as partes de sua personagem, Holly Golightly, foram sublinhadas e anotadas a mão para enfatizá-las.

Outra das estrelas da noite foi o bracelete da joalheria Tiffany que o cineasta americano Steven Spielberg deu a Hepburn com a seguinte inscrição: "Você é minha inspiração. Sempre, Steven".

O bracelete tinha um preço estimado entre 3.000 e 5.000 libras e acabou sendo comprado por cem vezes mais: 332.750 libras (445.000 dólares, 378.000 euros).

"Ficamos muito felizes com a impressionante resposta que a coleção pessoal de Audrey Hepburn recebeu", disse Adrian Hume-Sayer, diretor do departamento de coleções privadas da Christie's.

A coleção foi disponibilizada pelos filhos da atriz, que morreu vítima de câncer em 1993 aos 63 anos.

Os outros quase 500 lotes do leilão permanecerão à venda on-line, com a possibilidade de ofertas até 4 de outubro.

- "Atração imperecível" -

"É um dos grandes ícones da história do cinema e o incrível resultado alcançado até agora, para uma parte da coleção, é o testemunho de sua atração imperecível", acrescentou Hume-Sayer.

Vestidos, casacos, óculos de sol, luvas e anéis, além de cartas, fotografias e pinturas faziam parte dos 246 lotes do leilão de quarta-feira.

Todos os objetos estavam guardados em sua casa na Suíça. "Minha mãe guardava no sótão, literalmente", disse seu filho, Luca Dotti, à AFP na apresentação dos objetos na semana passada.

Seu roteiro para outro de seus grandes filmes, "Minha bela dama" ("My Fair Lady"), foi arrematado por 206.250 libras (US$ 276.000, 234.000 euros).

Uma pintura da atriz de 1969, "The Flowers of a Garden", atingiu 224.750 libras (US$ 300.000, 255.000 euros).

Uma fotografia de Cecil Beaton impressa em gelatina de prata, na qual Hepburn aparece como Eliza Doolittle em "My Fair Lady", foi vendida por 93.750 libras (US$ 125.000, 106.000 euros), quase 50 vezes o preço estimado de 2.000 a 3.000 libras.

Hepburn ganhou um Oscar por seu papel de uma princesa na comédia romântica "A princesa e o plebeu" ("Roman Holiday"), junto com Gregory Peck.

A família decidiu não vender certos objetos, incluindo a estatueta do Oscar e outros prêmios, bem como fotografias de infância.

Christie's explicou que nunca teve tantos participantes em um leilão na internet, e que a exposição dos lotes foi visitada por mais de 12 mil pessoas.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP