Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente da Colômbia Juan Manuel Santos, em Bogotá, no dia 10 de março de 2015

(afp_tickers)

O presidente da Colômbia, Juan Manuel Santos, anunciou nesta quinta-feira que vai prorrogar por mais um mês a suspensão dos bombardeios contra acampamentos das Farc, que ordenou em 10 de março com o objetivo de acelerar os diálogos de pais com essa guerrilha.

"As informações que me foram fornecidas no dia de hoje (quinta-feira) pelo ministro da Defesa e os altos comandos militares indicam que, durante este mês, as Farc mantiveram e respeitaram o cessar-fogo unilateral", afirmou Santos.

"Por este motivo, decidi prorrogar por mais um mês e, continuarei fazendo isso até o futuro, a suspensão dos bombardeios", acrescentou em um ato na sede presidencial Casa de Nariño.

AFP