Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Policial holandês em Haia, no dia 23 de março de 2016

(afp_tickers)

A polícia holandesa encontrou na noite desta quarta-feira uma van com placa da Espanha e botijões de gás e deteve o motorista, um espanhol, após o cancelamento de um show em Roterdã, no oeste do país, por "ameaça terrorista".

"O motorista espanhol da van foi detido e conduzido à delegacia onde está sendo interrogado", informou a polícia de Roterdã.

Um show do grupo californiano Allah-Las estava previsto para as 20H30 (15H30 de Brasília) na sala Maassilo, com capacidade para cerca de mil pessoas e situada em uma zona portuária ao sul da cidade.

Poucas horas antes do início do evento, as autoridades receberam um aviso da polícia espanhola sobre uma "ameaça terrorista".

A sala foi totalmente evacuada e os serviços antiterroristas estavam rastreando o local.

Este incidente se segue ao duplo atentado na Espanha com veículos usados para atropelar pessoas, reivindicado pelo grupo Estado Islâmico, e em um contexto de forte ameaça terrorista na Europa.

A Holanda até o momento tinha sido poupada pela onda de atentados que aterroriza seus vizinhos europeus.

Mas as autoridades permanecem vigilantes em razão dos muitos alertas dos últimos meses e de informes indicando que indivíduos ligados aos atentados de Paris e Bruxelas chegaram a entrar brevemente no país.

Em junho, um holandês, conhecido das autoridades como alguém potencialmente radicalizado, foi detido enquanto filmava o exterior do Estádio Philips, em Eindhoven (sul), um dos maiores do país.

A detenção ocorreu algumas semanas depois do atentado de Manchester, Inglaterra, que deixou 22 mortos, na saída de um show da estrela pop Ariana Grande.

"Ao entardecer me advertiram por telefone que tínhamos recebido uma ameaça vinculada a um show americano no Maassilo de Roterdã," disse o prefeito da cidade, Ahmed Aboutaleb, em uma coletiva convocada às pressas. "O aviso foi dado pela polícia espanhola à polícia holandesa".

No entanto, o primeiro prefeito muçulmano do país, que criticou publicamente os grupos extremistas, disse que "não se pode estabelecer neste momento se a van com os botijões de gás está relacionada com a ameaça".

Agentes de polícia estavam de prontidão nos arredores do local, equipados com coletes à prova balas, informou a televisão estatal holandesa NOS.

Os quatro membros da banda foram evacuados do lugar vestidos com os coletes.

Em um comunicado recebido pela AFP, se disseram "sãos e salvos e muito gratos à polícia de Roterdã e a outras agências por terem detectado a ameaça potencial antes que alguém fosse ferido".

A polícia de Roterdã afirmou que um agente "presente próximo ao local decidiu deter uma van que viu passar às 21H30" (16H30).

"A van tinha placa espanhola e era dirigida por um espanhol. Em seu interior havia dois botijões de gás. Se está investigando se existe vínculo com a ameaça terrorista", acrescentou.

- Sala evacuada -

As conexões internacionais da célula integrada em boa medida por marroquinos que perpetrou os atentados na Espanha estão sendo investigadas para seguir o rastro de seus movimentos na França e na Bélgica.

A polícia espanhola realizou novas incursões nesta terça-feira, depois de desbaratar o grupo que matou 15 pessoas e feriu mais de 120 nas Ramblas de Barcelona e no balneário de Cambrills da costa catalã.

Segundo documentos judiciais espanhóis, pelo menos 500 litros de acetona, grandes quantidades de pregos e detonadores, assim como botijões de gás, foram encontrados em uma casa de Alcanar, ao sul de Barcelona.

O edifício de Roterdã onde deveria acontecer o show foi evacuado e revisado pela esquadra antiterrorista holandesa.

Um porta-voz do ministério de Justiça disse à AFP que o estado de alerta na Holanda permanece no nível 4 sobre um máximo de 5.

"Até o momento nada mudou", acrescentou Lodewijk Hekking, explicando que o nível de alerta continua significando que existe a possibilidade real de um ataque na Holanda.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP