Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Imagens da SpaceX mostram o foguete Falcon 9 no Centro Espacial Kennedy

(afp_tickers)

A empresa americana SpaceX lançou nesta segunda-feira um satélite de comunicações sul-coreano a bordo de seu foguete Falcon 9, segundo imagens ao vivo do lançamento.

O satélite Koreasat-5A, de 3,5 toneladas e construído pelo grupo franco-italiano Thales Alenia, permitirá ampliar a cobertura para as comunicações e a televisão no Golfo Pérsico e no Oceano Índico, assim como no sul e no leste do mar da China.

O Falcon 9 partiu do ponto de lançamento 39A do Centro Espacial Kennedy, perto de Cabo Canaveral, na Flórida, às 15H34 locais (17H34 em Brasília) em direção a um céu azulado.

Este é o terceiro satélite lançado pela SpaceX neste mês. Em 9 de outubro foi posto em órbita o terceiro Iridium NEXT - de dez previstos - e em 11 de outubro a empresa californiana lançou um satélite EchoStar.

Cerca de 10 minutos depois do lançamento, a parte alta do Falcon 9, conhecida como primeiro estágio, regressou à atmosfera e aterrissou na vertical sobre uma plataforma no Atlântico perto da costa da Flórida, confirmou um comentarista da SpaceX.

Trata-se da 19° aterrissagem bem-sucedida do primeiro estágio de um foguete da empresa em dois anos.

Ao reciclar esta parte, a mais cara do foguete, o presidente da SpaceX, Elon Musk, busca reduzir os custos de lançamento e tornar as viagens ao espaço mais acessíveis.

A SpaceX já utilizou um foguete reciclado para o lançamento de sua cápsula não tripulada Dragon em direção à Estação Espacial Internacional (ISS).

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP