Navigation

Start-up alemã apresenta protótipo de táxi voador

Protótipo de táxi voador da alemã Lilium afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 16. maio 2019 - 12:46
(AFP)

A start-up alemã Lilium apresentou nesta quinta-feira (16) um protótipo de táxi voador, uma tecnologia em que muitas empresas no mundo já estão trabalhando e que pode revolucionar o transporte urbano.

O veículo de cinco lugares é equipado com 36 motores elétricos com operação semelhante à dos reatores e tem alcance de 300 quilômetros, com velocidade máxima de 300 km/h.

Este modelo faz parte de uma longa lista de veículos eVTOL (decolagem e descida vertical elétrica) que têm a capacidade de decolar e aterrissar verticalmente.

O táxi Lilium fez um primeiro teste no início de maio, disse a empresa, prometendo em 2025 um serviço de transporte "quatro vezes mais rápido".

No início, os veículos terão um piloto, mas eles aspiram a ser completamente autônomos.

A Lilium é uma das dezenas de empresas no mundo, desde a "start-up" até gigantes da aviação como a Boeing e a Airbus, que estão comprometidas com os táxis voadores, mas cuja circulação foi atrasada pela regulamentação atual.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.