Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Um homem foi acusado de sequestro e colocado em detenção provisória em ligação com o desaparecimento de uma garota de nove anos durante um casamento nos Alpes

(afp_tickers)

Um homem foi acusado de sequestro e colocado em detenção provisória em ligação com o desaparecimento de uma garota de nove anos durante um casamento nos Alpes, disse um promotor público francês.

Maelys de Araujo foi vista pela última vez nas primeiras horas do domingo 27 de agosto em uma sala do local onde o casamento foi realizado, em Pont-de-Beauvoisin, uma cidade cerca de 50 quilômetros ao norte de Grenoble.

Um homem de 34 anos foi acusado de "sequestro, confinamento ilegal ou detenção arbitrária de um menor de menos de 15 anos" na sequência da investigação policial, disse o promotor de Grenoble em um comunicado de imprensa divulgado neste domingo.

O homem estava no casamento durante o qual a menina - que estava participando do evento com seus pais - desapareceu, disse o comunicado.

Maelys, que tem cabelos e olhos castanhos escuros, não foi vista desde então.

O homem acusado é um dos dois suspeitos que foram detidos na quinta-feira por inconsistências em suas declarações, mas que depois foram liberados, na noite de sexta-feira.

"Levado perante os juízes investigativos no final da tarde, ele contestou os fatos. Confrontado com testemunhos, conclusões e provas científicas, ele persistiu em suas negações e explicações", disse o comunicado.

"Isso não convenceu os juízes investigativos, que decidiram mantê-lo" detido, acrescentou.

"Após o debate (...) entre o promotor e a defesa", o homem foi colocado "em detenção provisória", acrescentou o comunicado.

Desde o desaparecimento da menina, os investigadores realizam intensas buscas, sem sucesso. Também interrogaram cerca de 250 pessoas presentes no casamento e em duas outras festas que aconteciam no vilarejo, de 3.500 habitantes.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP