Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente interino do Brasil, Michel Temer (C), e o presidente do COI, Thomas Bach, no Rio de Janeiro, no dia 5 de agosto de 2016

(afp_tickers)

O presidente interino do Brasil, Michel Temer, não foi apresentado ao início da cerimônia de abertura dos Jogos de Rio-2016, nesta sexta-feira, apesar de que isso estava previsto no programa oficial.

No início da cerimônia, às 20h no horário local, o presidente do Comitê Olímpico Internacional (COI), o alemão Thomas Bach, foi apresentado pelo sistema de alto-falantes do estádio do Maracanã.

Mas Temer, que também está presente na cerimônia, sentado do lado esquerdo de Bach, não foi apresentado.

À direita do presidente do COI, está sentado o secretário-geral das Nações Unidas, o sul-coreano Ban Ki-moon, que pronunciou algumas palavras de boas-vindas, e uma mensagem em vídeo transmitida nos telões do estádio antes do início da cerimônia.

Temer assumiu o cargo em maio passado, depois de que a presidente Dilma Rousseff foi destituída de suas funções para a investigação do processo de impeachment.

O nível de aprovação do presidente interino entre a população brasileira é de apenas 22%.

Dilma recusou o convite para participar da cerimônia.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP