Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente interino Michel Temer, em Brasília, no dia 12 de agosto de 2016

(afp_tickers)

O presidente interino Michel Temer ainda não confirmou se estará presente na cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos Rio-2016, no próximo domingo.

"Ainda não há confirmação de que não irá. A prática é que os presidentes só compareçam à abertura", declarou nesta terça-feira à AFP uma fonte da presidência.

"Será definido mais perto (da data), mas não há tradição que os presidentes compareçam ao encerramento", disse.

Temer assumiu o cargo de maneira interina no dia 12 de maio após a suspensão da presidente Dilma Rousseff, julgada pelo Senado depois de ser acusada de maquiar as contas públicas e realizar gastos sem o aval do Congresso.

Dilma acusa seu ex-vice-presidente Temer de ser um traidor por executar um "golpe branco" para afastá-la do poder. A etapa final do julgamento da presidente, que pode tirá-la definitivamente do cargo, começará no dia 25 de agosto.

Temer foi vaiado na cerimônia de abertura dos Jogos, no dia 5 de agosto no Maracanã, embora seu discurso tenha durado apenas alguns segundos. Também não foi anunciado ao público no início da cerimônia, em uma tentativa mal-sucedida dos organizadores de evitar os protestos.

Antes da abertura dos Jogos foram registradas várias manifestações nas ruas do Rio e em outras cidades contra o presidente interino.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP