Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) A empresa francesa Total anunciou nesta segunda-feira a compra da empresa petroleira Maersk Oil por 7,45 bilhões de dólares

(afp_tickers)

A empresa francesa Total anunciou nesta segunda-feira a compra da empresa petroleira Maersk Oil por 7,45 bilhões de dólares e ações e em dívida da dinamarquesa A.P. Møller–Mærsk.

"A integração das atividades da Maersk Oil fará da Total a segunda operadora no Mar do Norte, com o posições de destaque no Reino Unido, Noruega e Dinamarca", afirma em um comunicado Patrick Pouyanné, presidente da Total.

A operação, que inclui a totalidade da Maersk Oil, foi aprovada pelos conselhos de administração das duas empresas.

A Total aportará 4,95 bilhões de dólares de suas próprias ações a A.P. Møller–Mærsk e assumirá 2,5 bilhões de dólares de dívida da Maersk Oil, ou seja, uma transação de US$ 7,45 bilhões.

A A.P. Møller–Mærsk receberá assim ações que representam quase 3,75% do capital da Total, que propôs ainda uma vaga em seu conselho de administração a holding que controla a empresa dinamarquesa.

O acordo deve ser concluído no primeiro trimestre de 2018.

A dinamarquesa Maersk Oil tem atividades de exploração no Brasil e no México.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP