Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Logo da Toyota

(afp_tickers)

A montadora japonesa Toyota anunciou nesta sexta-feira uma parceria com duas prestigiosas universidades norte-americanas, Stanford e MIT, para acelerar a pesquisa sobre inteligência artificial e seu uso em carros e robôs.

A Toyota prevê investir cerca de 50 milhões de dólares em cinco anos, que serão divididos em partes iguais entre a Universidade de Stanford na Califórnia e o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT). Cada instituição estabelecerá centros de pesquisa conjuntos.

A Toyota recrutou como diretor do projeto um especialista em robótica da agência norte-americana para pesquisa avançada em defesa (DARPA), Gill Pratt.

"Nos concentraremos inicialmente na aceleração de tecnologias de veículos inteligentes, com o objetivo imediato de ajudar a eliminar acidentes e o objetivo final de melhorar a qualidade de vida", disse Kiyotaka Ise, responsável da Toyota, em coletiva de imprensa na Califórnia.

"Mas o impacto irá mais além dos veículos", garantiu. Pratt também mencionou o uso da inteligência artificial em outros aspectos da vida, como por exemplo em serviços robotizados a domicílio que ajudariam os idosos a manter sua autonomia.

AFP