Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Donald Trump (E) e Moon Jae-In (D)

(afp_tickers)

A Coreia do Sul comprará armas americanas no valor de milhões de dólares para se defender contra as ameaças da Coreia do Norte, anunciou nesta terça-feira, em Seul, o presidente Donald Trump.

Depois de um encontro com seu colega sul-coreano, Moon Jae-In, Trump também afirmou que seu país, avalista da segurança da Coreia do Sul, aceitou eliminar o tamanho que impunha aos mísseis balísticos de Seul.

Trump disse que a Coreia do Sul - um aliado-chave na Ásia - e que acolhe 28.500 soldados americanos em seu solo - vai comprar uma grande quantidade de armas americanas, como aviões e mísseis.

"A Coreia do Sul pedirá milhares de milhões desse material, o que para eles faz muito sentido e para nós significa empregos e a redução de nosso déficit comercial com a Coreia do Sul", afirmou ainda.

Moon classificou de essencial a compra de armas e acrescentou que Seul concordou em iniciar negociações para conseguir material americano estratégico a fim de reforçar a capacidade de defesa de seu país.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP