Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente americano, Donald Trump, abordará em Nova York a crise venezuelana em um "almoço de trabalho" com líderes latino-americanos na próxima semana

(afp_tickers)

O presidente americano, Donald Trump, abordará em Nova York a crise venezuelana em um "almoço de trabalho" com líderes latino-americanos na próxima semana - anunciou a Casa Branca nesta sexta-feira (15).

Durante o encontro marcado para segunda-feira (18), Trump espera "discutir a crise na Venezuela, assim como os fortes laços econômicos e o sucesso extraordinário das nações latino-americanas com ideias semelhantes nas últimas décadas", disse aos jornalistas o conselheiro de Segurança Nacional, H.R. McMaster.

A Casa Branca não revelou a agenda da reunião, ou quem irá participar.

McMaster também descartou a possibilidade de que Trump realize conversas diretas com representantes da Venezuela na Assembleia Geral da ONU.

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, não participará da reunião de líderes mundiais e, em seu lugar, enviará seu ministro das Relações Exteriores.

Washington já aprovou sanções contra a Venezuela - inclusive contra o próprio Maduro - como forma de "negar à ditadura de Maduro uma fonte decisiva de financiamento para manter seu regime ilegítimo".

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP