Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Posicionado diante de um avião B-2 e de uma enorme bandeira americana, o presidente Donald Trump alertou a Coreia do Norte nesta sexta-feira (15) de que o armamento de Washington poderia destruir a alma de seus inimigos

(afp_tickers)

Posicionado diante de um avião "invisível" B-2 e de uma enorme bandeira americana, o presidente Donald Trump alertou a Coreia do Norte nesta sexta-feira (15) de que o armamento de Washington poderia destruir a alma de seus inimigos.

Em um breve discurso à equipe da Força Aérea depois de passar os principais caças e bombardeiros em revista, Trump advertiu que, "mais uma vez", o governo de Pyongyang "mostrou seu desprezo por seus vizinhos e pela comunidade internacional".

Nesta sexta-feira, a Coreia do Norte lançou um míssil que sobrevoou o Japão e percorreu uma distância de 3.700 quilômetros até cair no mar.

Em resposta, Trump disse que, "depois de verem nossa capacidade, tenho mais confiança do que nunca de que nossas opções são não apenas efetivas, mas também demolidoras".

O Conselho de Segurança da ONU condenou firmemente o novo teste norte-coreano, ação que definiu nesta sexta como "escandalosa" e "provocadora".

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

AFP