Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

(Arquivo) Prédio do Federal Reserve

(afp_tickers)

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se reuniu com um ex-membro do Federal Reserve (Fed, o Banco Central americano) Kevin Warsh, no momento em que se prepara para preencher vagas da instituição, confirmaram à AFP fontes na Casa Branca.

O encontro teria acontecido nesta quinta-feira (28). Warsh é ex-diretor do banco Morgan Stanley e foi governador do Fed durante a crise financeira de 2008.

Trump deve decidir em breve se substituirá a presidente do Fed Janet Yellen, cujo mandato acaba em fevereiro. Mesmo assim, o vice-presidente do Fed, Stanley Fischer, anunciou sua aposentadoria no mês que vem - apesar de ainda ter dois anos e meio de mandato.

As duas vagas disponíveis dão a Trump a rara possibilidade de definir o tom do Fed, que atua como banco central dos Estados Unidos e guia a maior economia do planeta.

Por ora, ainda não está claro se o presidente americano considera Warsh para algum cargo no Fed.

Há poucas semanas, o presidente disse gostar de Yellen, o que foi interpretado como um sinal de que poderia pedir para ela continuar no cargo.

"Respeito muito a presidente Yellen, gosto dela e respeito ela, mas ainda não tomei nenhuma decisão", resumiu Trump.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP