Navigation

Tufão atinge a China após provocar destruição nas Filipinas

Área inundada na cidade chinesa de Changde afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 18. julho 2014 - 13:06
(AFP)

A China foi atingida nesta sexta-feira pelo tufão Rammasun, o mais forte a afetar o país em 40 anos, depois que o fenômeno provocou 54 mortes nas Filipinas.

Rammasun (Deus do trono, em tailandês) chegou na sexta-feira à tarde com ventos de até 216 km/h na costa da ilha tropical de Hainan, segundo a imprensa local.

O tufão provocou uma morte na cidade de Wenchang, em Hainan, segundo a agência de notícias Xinhua.

Mais de 70.000 habitantes abandonaram suas casas de forma preventiva no sul do país.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.