AFP

(Arquivo) Vista do salar

(afp_tickers)

Dois turistas franceses e um equatoriano foram resgatados pela polícia boliviana no Salar de Uyuni, maior deserto de sal do mundo, após ficarem bloqueados por dois dias, anunciaram autoridades neste domingo.

A ação policial foi elogiada pelo presidente Evo Morales em sua conta no Twitter.

O veículo dos três turistas, identificados como Antonia Dande, Lovinson Simard (franceses) e Emilio Pareja (equatoriano), enguiçou devido a problemas mecânicos na última quinta-feira, no meio do salar, no sudoeste do país.

O Salar de Uyuni é o principal destino turístico da Bolívia, onde predomina a presença de visitantes europeus.

AFP

 AFP