Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O Twitter anunciou nesta terça-feira a flexibilização de seu clássico limite de 140 caracteres, permitindo que seus usuários incluam links, anexos e outros elementos em seus tuítes sem se preocuparem com sua extensão

(afp_tickers)

O Twitter anunciou nesta terça-feira a flexibilização de seu clássico limite de 140 caracteres, permitindo que seus usuários incluam links, anexos e outros elementos em seus tuítes sem se preocuparem com sua extensão.

Desta maneira, as menções a outros usuários e anexos como fotos, vídeos e enquetes não entrarão no limite de caracteres.

"Na última década, o tuíte evoluiu de uma simples mensagem de 140 caracteres a uma rica tela para a expressão criativa de fotos, vídeos, hashtags, Vines e muito mais", escreveu Todd Sherman, chefe de produto do Twitter.

Sherman acrescentou que as mudanças irão ocorrer "nos próximos meses" e que os parceiros desenvolvedores terão as ferramentas para habilitar as mudanças nos sites que utilizarem Twitter.

A medida ocorre num momento em que os esforços da empresa para somar mais usuários não dão resultados, levantando incógnitas sobre suas tendências de crescimento.

O número de usuários ativos mensais da rede social é de 310 milhões, 3% a mais em relação há um ano, mas apenas pouco mais que os 305 milhões do trimestre passado.

AFP