AFP

O primeiro vice-presidente iraniano, o reformista Es-Hagh Jahanguiri, se retirou da corrida das eleições presidenciais e pediu que seus partidários votem no presidente em fim de mandato, o moderado Hassan Rohani

(afp_tickers)

O primeiro vice-presidente iraniano, o reformista Es-Hagh Jahanguiri, se retirou da corrida das eleições presidenciais e pediu que seus partidários votem no presidente em fim de mandato, o moderado Hassan Rohani, informou nesta terça-feira a agência Isna.

"Durante as presidenciais, votarei em Rohani", declarou Jahanguiri depois de ter anunciado a retirada de sua candidatura às presidenciais que serão realizadas na sexta-feira.

"Cumpri com meu dever histórico e, junto a vocês, votarei em Rohani para ajudá-lo a continuar no caminho do progresso no qual o país está envolvido", declarou diante de milhares de pessoas reunidas em Shiraz (sul).

Esta decisão foi tomada um dia após a retirada de Mohamed Bagher Ghalibaf (conservador), prefeito de Teerã, em benefício do religioso conservador Ebrahim Raisi.

Estes dois homens se aliaram contra Rohani, que se apresenta a um segundo mandato de quatro anos.

AFP

 AFP