Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O vulcão Agung visto de um templo hindu

(afp_tickers)

Ao menos 57 mil moradores de uma zona próxima ao vulcão Agung, na ilha de Bali, abandonaram suas casas, diante de sinais de uma erupção iminente, informaram autoridades nesta terça-feira.

O Agung, situado a 75 km do centro turístico de Kuta, tem mostrado atividade desde agosto passado, ameaçando entrar em erupção, algo que não acontece desde 1963.

"A possibilidade de ocorrer uma erupção é elevada, mas não é possível prever quando isto ocorrerá", declarou o porta-voz da agência de desastres naturais Sutopo Purwo Nugroho.

O incremento da frequência dos tremores em torno do vulcão são um indício de que o magma está subindo para a superfície, destacou o funcionário.

Segundo o Centro indonésio de vulcanologia, ocorreram 564 tremores em torno do Agung nesta segunda-feira.

As autoridades recomendaram que a população observe uma distância de ao menos nove quilômetros da cratera do vulcão.

Ao menos mil pessoas morreram na erupção do Agung em 1963.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

AFP