Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O Dow Jones recuou 69,93 pontos, a 16.493,37 unidades, enquanto o Nasdaq caiu 17,13 pontos, a 4.352,64.

(afp_tickers)

Wall Street voltou a cair nesta sexta-feira após um informe negativo sobre o emprego nos Estados Unidos: o Dow Jones caiu 0,42% e o Nasdaq, 0,39%.

O Dow Jones, que na quinta-feira teve a queda mais acentuada em seis meses, recuou 69,93 pontos, a 16.493,37 unidades, enquanto o Nasdaq caiu 17,13 pontos, a 4.352,64. O índice ampliado S&P 500 teve baixa de 0,29%, 5,52 pontos, a 1.925,15.

"O mercado transita entre o prudente e o nervoso", observou Sam Stovall, da S&P Capital IQ.

"Há uma certa angústia no mercado", considerou por sua vez Gregori Volokhine, da Meeschaert Financial Services. A razão é o leve endurecimento no tom do Federal Reserve, que mencionou pela primeira vez em um comunicado que a inflação se aproxima da sua meta de 2%.

"Isso sustenta a ideia de que o Fed pode elevar suas taxas básicas antes da segunda metade de 2015, uma perspectiva que gera nervosismo nos mercados", explicou Volokhine.

No que se refere ao mercado de trabalho, os Estados Unidos criaram 209.000 novos postos em julho, cifra menor do que a esperada. A taxa de desemprego subiu para 6,2%.

No mercado de títulos, o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos baixou a 2,505% contra 2,556% na quinta-feira. Já o rendimento dos bônus a 30 anos ficou em 3,297% contra 3,311%.

AFP