Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

US President Donald Trump and National Security Advisor H. R. McMaster board Air Force One before departing from Andrews Air Force Base for Miami, Florida on June 16, 2017.

(afp_tickers)

Um cessar-fogo que começará a vigorar no sudoeste da Síria neste domingo é uma prioridade para os Estados Unidos e um passo importante para uma eventual paz em todo o país devastado pela guerra, disse o assessor de segurança nacional do presidente Donald Trump.

"Ao meio-dia do horário local de amanhã, uma zona de desescalada no sudoeste da Síria começará a produzir efeitos", afirmou a HR McMaster em comunicado divulgado neste sábado.

"Essas zonas são uma prioridade para os Estados Unidos, e somos encorajados pelo progresso alcançado para chegar a esse acordo", afirmou.

"Os Estados Unidos continuam empenhados em derrotar o (grupo) Estado Islâmico ajudando a acabar com o conflito na Síria, reduzindo o sofrimento e permitindo que as pessoas retornem às suas casas. Este acordo é um passo importante em direção a esses objetivos comuns", afirmou.

McMaster disse que o Trump "discutiu o acordo com muitos líderes mundiais na Cúpula do G20", incluindo o presidente turco Recep Tayyip Erdogan, a primeira-ministra Theresa May e a chanceler alemã Angela Merkel.

AFP