Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Filhotes de pandas trigêmeos dentro de uma encubadora no Safari Park Chimelong de Guangzhou, na China.

(afp_tickers)

Um zoológico chinês apresentou nesta terça-feira pandas trigêmeos, aparentemente a única ninhada de três em que todos sobreviveram.

Os três bebês panda nasceram na madrugada de 29 de julho no Safari Park Chimelong de Guangzhou (ou Cantão, sul).

"É um milagre", afirmou o diretor-geral do jardim zoológico, Dong Guixin, em entrevista à AFP. "Têm 15 dias, ou seja, é o recorde em qualquer outra ninhada de trigêmeos".

A mãe dos pequenos pandas, Juxiao, cujo nome significa "sorriso de crisântemo", vem do Centro Chinês de Proteção e Pesquisas sobre o panda gigante em Wolong, em Sichuan (sudoeste).

Um vídeo mostra a mãe dando à luz, sentada no canto de um recinto. O parto durou quatro horas. Depois, ela lambe os filhotes e, em seguida, exausta, deita-se de lado, incapaz de manter o cuidado dos bebês.

Os filhotes foram colocados em uma incubadora antes de serem devolvidos à mãe para mamar.

"São os únicos trigêmeos pandas (em cativeiro) que sobreviveram", indicou o zoológico em um comunicado.

"Estes trigêmeos são uma nova maravilha do mundo", comemorou o parque de animais, lembrando que a taxa de mortalidade do panda ao nascimento é extremamente alta.

Fotos enviadas à AFP no início do mês de agosto mostram os bebês panda com pelagem rosa e os olhos fechados em sua incubadora.

O sexo dos pequenos pandas não foi informado e seus nomes serão comunicados posteriormente.

Um funcionário da reserva natural de Wolong, em Sichuan, autoridade em matéria de pandas, estima que é muito cedo para comemorar e considerar os bebês fora de perigo.

"Podemos dizer que estão a salvo quando alcançarem os seis meses", indicou Zhao.

Os pandas vivem em estado selvagem principalmente nas montanhas do sudoeste da China. Foram contabilizados 1.600 pandas em liberdade.

AFP